Get Adobe Flash player

Panificadora Samuel

 
 

Cidades acessando blog

Escola Monteiro Lobato



 

CLICK AQUI E CONFIRA AS FOTOS!


Educação Infantil,

Ensino Fundamental e Médio

(87) 3838.1481 (87) 3838.2246

site: emonteirolobato.com.br

 

Login

Dr. Jamildo Carvalho

Blog MM

 

 

 

Tudo posso naquele que me fortalece.

Email:blogmarcosmontinelly@gmail.com

  (87) 9 -9680-8985 

 

 

Desfile Cívico da Escola M. L.

 

Formatura do ABC Monteiro

Yane Marques

Vozes do Forro

AABB

 

Login Form

Fotos Bloco a Onda

Canaval 2016

Bloco a Onda 2017

Galeria de Fotos!

 

 

Bruna Ribeiro, 23 anos, era aluna do curso de Arquitetura da UFPE. Foto: Facebook/Reprodução

A estudante de arquitetura da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) Bruna Ribeiro Correa, de 23 anos, faleceu na quinta-feira (7) por complicações após ser submetida a uma cirurgia de retirada do siso. Uma amiga da família confirmou a informação. "No mês passado ela fez a extração do siso e entrou em um quadro de infecção generalizada. Estamos muito tristes com a partida dela", informou, pedindo reserva.

 

O corpo de Bruna foi velado nesta sexta-feira (8) e  cremado às 18h, no Cemitério Morada da Paz, em Paulista. Bruna estava internada em um hospital particular, na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Amigos e alunos da UFPE realizaram uma campanha nas redes sociais pedindo a doação de sangue para Bruna durante o internamento.

 

Através de nota enviada pela assessoria de imprensa, a universidade lamentou a morte da jovem. "A UFPE e, em especial, o Departamento de Arquitetura e Urbanismo e o Centro de Artes e Comunicação (CAC) lamentam o falecimento da aluna Bruna Ribeiro Correa, de 23 anos, ocorrido na manhã de quinta-feira (7). O velório será realizado a partir das 12h e a cremação, às 18h, no Cemitério Morada da Paz. Bruna Ribeiro ingressou em 2013.1 no curso de Arquitetura e estava internada na UTI por complicações depois de uma cirurgia do siso".

 

 

 

Publicado em 10 de dezembro 2017

 

 

Clique aqui e comente sobre isto: 

 
 
 
 
O comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, decidiu retirar o general Antonio Hamilton Mourão do posto de secretário de Economia e Finanças da instituição e designá-lo para o cargo de adido na Secretaria-Geral do Exército.
 
A decisão foi comunicada neste sábado (09) pelo Centro de Comunicação Social do Exército. Na quinta-feira (07), Mourão se manifestou sobre intervenção militar pela segunda vez em três meses, reafirmando a possibilidade de atuação das Forças Armadas caso haja uma situação de "caos" no país.
 
Em setembro ele havia falado sobre a possibilidade de ocorrer intervenção no Brasil se o Judiciário não conseguir resolver "o problema político".
 

 

Desta vez, o oficial também criticou o governo Michel Temer, dizendo que ele se equilibra mediante um "balcão de negócios".
 
Pela decisão do comandante, irá para o lugar de Mourão na secretaria o general Luiz Eduardo Ramos Baptista Pereira, atualmente adido no Estado-Maior do Exército.
 
O informe de Villas Bôas com a alteração, que deve ser distribuído a todos os comandos, chefias e direções de organizações militares, vem um dia depois de o Exército informar à Folha que as declarações emitidas por Mourão estavam "sendo objeto de análise pelo Comando da Força".
 
Na palestra que fez esta semana no Clube do Exército, em Brasília, a convite do grupo Ternuma (Terrorismo Nunca Mais), o militar disse que a instituição poderia ter o papel de "elemento moderador e pacificador", agindo "dentro da legalidade", se o "caos" fosse instalado no país.
 
"E o que a gente chama de caos? Não houver mais um ordenamento correto, as forças institucionais não se entenderem, terá que haver um elemento moderador e pacificador nesse momento", afirmou.
 
Sobre a situação política, o general disse: "Não há dúvida que atualmente nós estamos vivendo a famosa 'Sarneyzação'. Nosso atual presidente [Michel Temer] vai aos trancos e barrancos, buscando se equilibrar, e, mediante o balcão de negócios, chegar ao final de seu mandato".
 
 

Mega-Sena: Ninguém acerta as seis dezenas e prêmio vai a R$ 33 milhões

 

 

 

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 1.995 da Mega-Sena, realizado na noite deste sábado (09) em Teixeira de Freitas (BA). O prêmio acumulou.
 
Veja as dezenas sorteadas: 14 – 26 – 29 – 35 – 37 – 39.
 
A quina teve 66 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 38.617,02. Outras 4.840 apostas faturaram a quadra; cada uma levará R$ 752,27. O prêmio previsto para o próximo concurso é de R$ 33 milhões.
 
 

Fogo toma conta da Usina de Asfalto de Serra Talhada

!

Uma densa nuvem de fumaça tomou conta do centro da cidade de Serra Talhada e de alguns bairro da capital do xaxado, na manhã deste sábado (9). Por volta das 9h, o Corpo de Bombeiros e a Brigada Prev Incêndio do Ibama foram acionados para combater um incêndio que tomou de conta da Usina de Asfalto do município, às margens da BR-232.
Uma testemunha, que não quis ser identificada, relatou, com detalhes, o princípio do incêndio que poderia ter proporções maiores, caso os bombeiros e brigadistas não tivessem atuado com rapidez.
“A prefeitura começou a construir uma cerca com pneus ao redor da usina de asfalto. Muitos pneus. O que aconteceu foi que um papel laminado voou, bateu na rede elétrica e provocou um curto circuito, que atingiu os pneus e a usina de asfalto. Então, o fogo apareceu rápido”, disse a testemunha. Os bombeiros controlaram o fogo e ninguém ficou ferido.
Farol/Fotos: Max Rodrigues
 
 

Técnico Paulo Júnior assume o comando do Salgueiro Atlético Clube

 

Em coletiva de imprensa realizada na sexta-feira (08), a diretoria do Salgueiro anunciou Paulo Júnior como novo técnico para a temporada 2018. No próximo ano o Carcará do Sertão disputará o Campeonato Pernambucano, Copa do Brasil, Copa do Nordeste e a Série C do Campeonato Brasileiro.
 
O técnico Paulo Júnior, 53 anos, já passou por vários times do futebol pernambucano. Ele comandou o Salgueiro em 2010, depois o Cabense, Serra Talhada, América, Chã Grande e Íbis.
 
Está marcada para sexta-feira da próxima semana a apresentação do elenco do Salgueiro, que começará a ser treinado por Paulo. O time vai se preparar para a estreia no Campeonato Pernambucano de 2018, que acontecerá no dia 21 de janeiro. A equipe estreia no dia 16 de janeiro na Copa do Nordeste.
 
 
 
 
 
 

Fifa anuncia suspensão de Guerrero por um ano

 

YASUYOSHI CHIBA / AFP

A Fifa anunciou na manhã desta sexta-feira a suspensão de um ano do atacante Paolo Guerrero, do Flamengo, após o jogador ter sido flagrado no exame antidoping com substâncias de cocaína na partida da seleção peruana contra a Argentina, em La Bombonera, pela penúltima rodada das eliminatórias para a Copa da Rússia. A decisão é em primeira instância e o centroavante pode recorrer.

Guerrero estava sem atuar aguardando a sentença da entidade máxima do futebol desde o dia 19 de outubro, quando o Flamengo goleou o Bahia por 4 a 1, pela 29ª rodada do Brasileirão.

Com a suspensão, Guerrero perderá a Copa do Mundo, competição para a qual ajudou o Peru a se classificar após mais de 30 anos, sendo o principal jogador da seleção nas eliminatórias. Agora, a expectativa é pelo posicionamento do Flamengo, uma vez que o jogador tem contrato com o Rubro-Negro até agosto.

 

 

 

Problemático

 

 
 
 
 

R$ 51 milhões de Geddel podem ser sobras

 

Diário do Poder

Podem ser apenas “troco” os R$51 milhões apreendidos pela Polícia Federal em apartamento de Salvador usado pelo ex-ministro Geddel Vieira Lima, em Brasília.

Investigadores ligados ao caso suspeitam que as malas continham “o que sobrou” de um volume ainda maior de dinheiro: há evidências de que o dinheiro vinha sendo usado para bancar sete empreendimentos imobiliários dos quais Geddel é sócio. A informação é do colunista Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

A PF já identificou ao menos R$5,2 milhões pagos em espécie pela família Vieira Lima à Cosbat Construção e Engenharia.

Somados os R$51 milhões encontrados no apartamento ao que foi pago à construtora, já são R$56,2 milhões de dinheiro vivo identificado.

O assessor de confiança era autorizado a pagar despesas das obras com dinheiro vivo, por isso suas digitais encontradas nas cédulas.

Na Cosbat, a família Vieira Lima investiu em 7 edifícios, inclusive o “La Vue”, de Geddel, pivô da ruidosa demissão do ex-ministro da Cultura.

 

 

Corda em casa…

 

 

 

 

Nas margens do Velho Chico: Moradores fazem fila para conseguir água em Petrolina

 
 
A falta de água não é apenas um problema isolado que afeta as áreas sequeiras do Sertão de Pernambuco. Banhada pelo Rio São Francisco, Petrolina no Sertão, moradores vivem a quatro dias angustiados com a falta de água nas suas residências . Os bairros aventados são:  Dom Avelar, São Joaquim, Padre Cicero, Vila Débora, Vila Marcela, Loteamento Recife, Residencial Mons Bernardino, Vivendas I e II, Buona Vita e Loteamento Santa Bárbara.
Segundo informações de um morador, a bomba que distribuí água para estes bairros está quebrada e precisa de manutenção. “É uma vergonha uma cidade do porte de Petrolina e a população terem que esperar tantos dias para concertar uma bomba. Cadê a Compesa com tantos recursos que arrecada e não agiliza estes problemas e os deputados ligado ao governo do Estado?comentou o morador ao blog.
Outra bronca seria pela falta de carros pipas que não é suficiente para atender toda a comunidade e muitos moradores estão comprando água. ” Aqui é uma comunidade carente nem todo mundo tem dinheiro para comprar um galão de água”, comentou Dona Maria ao blog.
 A previsão de normalização é para a próxima segunda-feira (11) 

Vai e …

 

Homem de 53 anos é assassinado a tiros em Santa Cruz da Baixa Verde, no Sertão

 
 
Na noite deste sábado dia (09), por volta das 20:00, um homem de 53 anos foi assassinado a tiros na rua Professora Carmem Lúcia, na cidade de Santa Cruz da Baixa Verde, no Sertão do Pajeú.
 
Segundo informações do nosso parceiro do Portal Nayn Neto, dão conta que dois homens em uma motocicleta, de características e placa não anotas, se aproximaram da vítima, identificada, preliminarmente, como ‘Donizete’ e efetuaram vários disparos de arma de fogo contra a mesma. Após a prática do crime, os algozes se evadiram do local, tomando destino ignorado. A Polícia Civil investiga o caso.

 

Idosa morre ao ser atropelada na BR-232 em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú

 
 
Uma idosa de identidade não revelada morreu na noite desse sábado (09), na BR-232, em Serra Talhada, após ser atropelada por um veículo modelo Gol, quando tentava atravessar a rodovia, nas imediações da Premocil.
 
De acordo com o Farol de Notícias, após a colisão o motorista não prestou socorro e fugiu em seguida, a idosa morreu no local.
 

Mulher é esfaqueada pelo próprio esposo em São José do Egito

 

Em São José do Egito, interior de Pernambuco, o policiamento foi solicitado via telefone informando que no Conjunto Habitacional Júnior Valadares, havia acontecido uma briga por volta das 13h30 desse sábado 09. O policiamento seguiu ao local onde foi informado por populares que a vítima S.C.S., amasiada, de idade não revelada pela policia, havia sido esfaqueada pelo imputado M.N.S., que é seu companheiro. Foi relatado também que a vítima foi socorrida por familiares ao hospital local. 
 
O efetivo ainda foi informado que o imputado evadiu-se do local em uma motocicleta Honda Broz,. O efetivo seguiu para o hospital e em contato com a vítima a qual estava recebendo atendimento médico, relatou que estava em sua residência bebendo com seu companheiro (imputado) e um amigo. O imputado começou a sentir ciúmes de sua companheira com seu amigo e passou a discutir com a vítima, agredindo-a verbalmente e em seguida, o imputado atirou-lhe um tijolo, atingindo-a na cabeça. 
 
Após ser atingida a vítima correu para o quarto, mas seu companheiro foi atrás e desferiu um golpe de faca peixeira, atingindo sua perna. A agressão foi cessada, em virtude do sobrinho da vítima intervir na ação, não permitindo que o imputado continuasse a agredir a vítima. O policiamento realizou rondas no intuito de localizar o imputado, porém sem êxito. A ocorrência foi repassa a DP local para serem adotadas as medidas cabíveis
 

TABIRENSES FORAM AO PALACIO DO GOVERNO DESTRAVAR OBRA DO CURRAL DO GADO

 

De acordo com o Blog do Finfa, O ex-presidente da Câmara de Vereadores de Tabira, Zé de Bira, candidato a eleição de 2016, ex-prefeito Josete Amaral e o empresário Paulo Manú, se reuniram ontem (07), com o Chefe do Governo, João Campos e Antônio Figueira, Assessor Especial do Governo. Em contato com este blogueiro, Zé de Bira, confirmou que discutiram, a ampliação da segunda etapa do Curral do Gado, além da construção do Polo de Educação à distância. Na oportunidade, João Campos, confirmou que estará em Tabira, na próxima sexta-feira (15), na parte da tarde, cumprindo uma agenda administrativa e política.

 
 

LIVRE, LEVE E SOLTO, YOUSSEF CURTE A BOA VIDA

 

JOEDSON ALVES: Brasil, Brasília, DF. 18/10/2005. O doleiro Alberto Youssef, operador do mercado financeiro que teria ligações com a corretora Bonus-Banval, depõe na sub-relatoria de Movimentação Financeira da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Correios, "O doleiro, que esteve na carceragem de Curitiba por um bom tempo e delatou muita gente, foi visto nesta sexta almoçando tranquilamente no Madero Prime, na Jaime Reis. Papeava com amigos, livre, leve e… solto. Youssef foi condenado a 122 anos de cadeia. Mas com a delação, ficou menos de três anos preso", informa o jornalista Rogério Galindo, na Gazeta do Povo

 

 

 

AÉCIO É VAIADO E FOGE DA CONVENÇÃO DO PSDB

: <p>convenção PSDB</p>O senador Aécio Neves, principal articulador do golpe parlamentar de 2016 e presidente licenciado do PSDB, foi alvo de protestos e vaias na convenção do PSDB neste sábado, 9, em Brasília; dentro do auditório onde ocorre o evento, Aécio ouviu vaias e gritos de "fora!"; o mineiro não foi chamado para sentar à mesa montada no palco da convenção e, na sequência, deixou o evento. Ele ficou no local durante 40 minutos e saiu pela porta dos fundos; "Esse período dos últimos quatro anos em que administrei como presidente o PSDB foi o mais fértil, de crescimento do partido", disse Aécio

 

 

 

 

 

O jatinho do cantor Leonardo atolou na pista do aeroporto de Barreiras, no oeste da Bahia, na manhã deste sábado (09), por causa das chuvas na região.
 
Em dois vídeos postados nas redes sociais, o artista brincou. “Choveu até atolar o avião. Ali, mostra lá! Nós vamos furar o pneu do avião com essa pá”, disse em vídeo publicado. “É a primeira vez que vejo avião atolado no asfalto . Acontece de tudo, né?”, falou em outro vídeo.
O cantor fez show na cidade de Barreiras na noite de sexta-feira (8), ao lado de Eduardo Costa. A apresentação, que faz parte da turnê Cabaré, aconteceu no Parque de Exposições da cidade.

 

Alckmin disse que o aumento do desemprego foi consequência de erros da gestão de Lula

Estadão Conteúdo / Foto: ABr

Embora esteja deixando a base aliada do presidente Michel Temer, o PSDB vai dar apoio à agenda econômica do governo. Pré-candidato do PSDB à Presidência da República nas eleições de 2018, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, sinalizou um alinhamento em relação às propostas econômicas do governo do presidente Michel Temer, como as reformas, e responsabilizou o PT e, particularmente, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela recessão. “Lula será condenado nas urnas pela maior recessão de nossa história.”

“O governo Temer herdou uma situação calamitosa e está trabalhando para sair desse quadro”, afirmou também. “O atual governo começou a reverter a tragédia econômica em que o País foi colocado.”

ERROS 

Alckmin disse que o aumento do desemprego foi consequência de erros da gestão de Lula. “Foram 15 milhões de empregos perdidos, milhares de empresas fechadas, sonhos desfeitos, negócios falidos. As urnas os condenarão pela frustração dos projetos e por milhões de famílias levadas ao desespero”, afirmou. “As urnas os condenarão pelo desgoverno, pelo desmonte da Petrobras e pelas obras inacabadas.

 

Corpo de homem é encontrado com marcas de tiros em frente ao Parque de Exposição de Ipubi

 

alt

Este foi o sétimo homicídio do ano em Ipubi

O corpo de um homem de 42 anos foi encontrado na noite desta sexta-feira (8) em frente ao Parque de Exposição de Ipubi, no Sertão Pernambucano. De acordo com a Polícia Militar, Antônio Edinaldo Ferreira foi vítima de arma de fogo.

A polícia não tem pistas da motivação e autoria do crime. O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal de Petrolina (IML). O crime será investigado pela Delegacia de Polícia Civil Local.

Este foi o sétimo homicídio do ano em Ipubi. No mesmo período, 111 pessoas já foram assassinadas nos dez municípios que compõe a Região do Sertão araripeano.

 

 

 
O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) fez um discurso pedindo que o partido se reconecte com as ruas, durante sua participação na convenção nacional da sigla, neste sábado (09), em Brasília.

FHC, que manifestou apoio ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, eleito no evento dirigente nacional da legenda, disse que a classe política passa por uma fase de descrédito e que o PSDB precisa recuperar seu papel histórico.

"O povo está enojado, irritado com todos nós. O povo sente como se fosse uma grande traição nacional", afirmou o ex-presidente.

 

O tucano falou que as estruturas partidárias ficaram envelhecidas e que esse cenário se repete em outros países. "Nós temos que nos reconectar com a vida. É preciso enfrentar os temas tais como eles são."

 

Reiterando declarações feitas nesta semana em entrevista à Folha, FHC disse que "as pessoas querem coisas simples e diretas". Desejam, segundo ele, "decência, emprego, educação, saúde, transporte e segurança".

Na visão do ex-presidente, Alckmin é alguém com esse perfil e pode sair vitorioso por ter capacidade de "formar maioria".

"Nós chegamos a um ponto tal no Brasil que a desordem está insuportável. E a desordem afeta o povo, as pessoas mais simples. O povo enfrenta o crime organizado, a corrupção que tomou conta de boa parte da política brasileira", exemplificou.

"Eu sei que há classes sociais, há ricos, há pobres. Mas a segurança, a saúde, a educação afetam a todos. O povo quer melhorar completamente a sua vida. E nós temos que ter palavras diretas para falar ao povo o que nós acreditamos."

LULA E ERROS: O ex-presidente disse ainda que prefere ver Lula -de quem ganhou em 1994 e 1998&- na disputa eleitoral a vê-lo preso. O petista foi condenado pelo juiz Sergio Moro no caso do tríplex de Guarujá (SP) e pode ter a candidatura em 2018 inviabilizada se a segunda instância confirmar a decisão.

"Olha aqui, eu ganhei do Lula duas vezes e temos energia para combatê-lo cara a cara. Eu prefiro combatê-lo na urna do que vê-lo na cadeia", disse FHC.

Falando especificamente do PSDB, o fundador da sigla afirmou que os tucanos fizeram e ajudaram a mudar "várias coisas" no país. "O Brasil melhorou, não só por nossa causa. Por causa do povo brasileiro. Mas nós precisamos caminhar mais. E para isso precisamos ter rumo e estratégia."

"Nós precisamos de humildade e entender que nós erramos. E temos que corrigir o que nós erramos. Precisamos ter a escuta maior do povo. Não dá para fazer programas abstratos. Tem que ser alguma coisa que reflita o sentimento das pessoas."

FCH falou que o partido deve apoiar a reforma da Previdência e que não se pode "fechar os olhos" para a situação "insustentável" das aposentadorias, nas palavras dele.

O ex-presidente defendeu ainda o respeito ao que chamou de "valores" dos tucanos. "Se for para ganhar a eleição perdendo os valores, melhor perder a eleição do que dar as costas aos valores." (Via: Folhapress)
 
 

 

Católicos de Araripina celebraram nesta sexta (08), Dia de Nossa Senhora da Conceição

 
alt

Os festejos religiosos em homenagem a Nossa Senhora da Conceição terminou nesta sexta-feira (08), com uma procissão pelas principais ruas da cidade.

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução

As principais ruas de Araripina, receberam na tarde desta sexta-feira (08), cerca de 10 mil devotos de Nossa Senhora da Conceição, que numa demonstração de fé cumpriram suas promessas de agradecer a Padroeira da cidade pelos seus pedidos atendidos. Foram nove noites com uma programação sociocultural de quermesse, com o leilões e manifestações culturais de artistas da terra.

Tanto a missa como a procissão, teve transmissão ao vivo pela Rádio Arari FM (Foto: `Paulo Elias)

PROCISSÃO

O cortejo saiu pouco depois das 16h do centro da cidade, a concentração aconteceu em frente da igreja Matriz e seguiu pelas principais ruas da cidade, num percurso de cerca de 6 quilômetros.

Milhares de devotos acompanharam a procissão. Antes às 9h da manhã aconteceu uma missa solene na igreja Matriz, tendo como pregador o Bispo Diocesano Dom Magnos Henrique Lopes.

Tanto a missa como a procissão, teve transmissão ao vivo pela Rádio Arari FM, com um belo trabalho realizado pelo gerente de programação da emissora Carlos Lima e os radialistas Erick Lima e Fredson Paiva.

 

O Globo

Preso há dois anos e meio pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa, Marcelo Odebrecht deixará a prisão no dia 19, rumo à sua mansão no Morumbi, em São Paulo, onde ficará mais dois anos e meio sem poder sair de casa e monitorado por tornozeleira eletrônica. Apesar de já ter quitado a multa pessoal de R$ 73 milhões, uma das mais altas cobradas pela Lava-Jato, ele ainda tem mais sete anos e meio de medidas restritivas pela frente antes de poder voltar a atuar na Odebrecht.

 

Mesmo assim, o herdeiro do grupo baiano vem tendo uma agenda intensa com advogados e outros delatores na tentativa de se inteirar sobre a situação da empresa. Entre os colaboradores que o encontraram nos últimos meses estão Fernando Reis, ex-presidente da Odebrecht Ambiental; Fabio Gandolfo, executivo responsável pelo projeto do submarino Prosub; e Ernesto Baiardi, ex-diretor das operações da empresa na África. Para alguns, os encontros lembraram os tempos de Marcelo como presidente da Odebrecht, quando chegava com uma lista de temas anotada no bloco de notas do celular. Na prisão, o aparelho foi substituído por uma prancheta.

 

A saída de Marcelo da carceragem da Polícia Federal em Curitiba tem provocado apreensão entre executivos da empresa, que enxergam suas movimentações como um meio de detonar a nova gestão e se colocar como solução para a construtora se recuperar. Pelas regras atuais do acordo de delação premiada, ele não poderá voltar à empresa até 2025, sob pena de perder os benefícios.

Desde que firmou a colaboração, no fim do ano passado, Marcelo está rompido com o pai, Emílio, hoje à frente dos negócios. A pessoas próximas, diz que o patriarca não o protegeu e ajudou a responsabilizá-lo por mais crimes do que teria cometido. Devido à briga, Emílio só o visitou na cadeia duas vezes. Há cerca de um mês, a mãe de Marcelo, Regina, fez-lhe uma vista surpresa, na tentativa de reatar a relação. Foi recebida, mas não teve êxito.

INFLUÊNCIA NA EMPRESA

Marcelo está isolado em relação à cúpula de acionistas da família. Três tios estão aliados a Emílio, e só um o apoia. Há receio de que ele tente influenciar os negócios emplacando nomes de sua confiança na direção. Apesar de estar às vésperas de deixar a prisão, o executivo chama a atenção de quem o visita pela frieza com que encara o momento. Não dá sinais de ansiedade e manteve a rotina.

— Ele não é de grandes emoções e não cria expectativas. Não fala sobre a saída e está lidando com ela como mais um dia, disse uma advogada que o visita com frequência.

Assim como o marido, a mulher do empreiteiro, Isabela, que o vê todas as semanas desde a prisão, em 19 de junho de 2015, diz apenas que família aprendeu a viver “um dia de cada vez”:

— A única certeza é que agora será melhor do que antes.

 

Reformas na residência para recebê-lo estão fora dos planos.

— Quanto mais parecida a casa estiver com o dia em que ele a deixou, mais em casa ele vai se sentir, justifica.

Ela teve preocupação especial com o escritório, onde o executivo deve passar a maior parte do dia ao deixar a prisão. Após a Polícia Federal terminar as buscas na casa, Isabela conta que só reuniu os papéis bagunçados.

 

Metódico, o herdeiro da Odebrecht tentou adaptar a rotina à que tinha fora da prisão. Acorda às 5h30m para se exercitar, almoça, à tarde se reúne com advogados, lê seus processos e janta. Também faz anotações em um diário que, segundo pessoas próximas, já tem cerca de seis mil páginas. Avesso a remédios, aumentou as duas horas diárias de atividades físicas que fazia em liberdade para seis. A natação na piscina de casa deu lugar a corridas no pátio da carceragem e flexões nas barras das grades. Nos período em que ficou no Complexo-Médico Penal (CMP), no Paraná, onde estão os detentos da Lava-Jato não delatores, chegou a usar uma bicicleta ergométrica. Na época, fazia treinos com o lobista Fernando Soares, o Baiano, hoje em liberdade. Juntos, eles montaram pesos com galões de água.

 

Sua obsessão por exercícios virou piada. Quando o empreiteiro passa com roupas mais justas, de academia, ouve assobios do operador Adir Assad. Outra brincadeira frequente dos presos é bagunçar o espaço do executivo.

 

AOS BERROS

Reservado, Marcelo chega a esboçar sorrisos em algumas situações, mas pouco participa de brincadeiras e evita as missas na carceragem. Prefere falar a sós com um padre. Atualmente é mais próximo de Assad e de Léo Pinheiro, da OAS. Também se aproximou da doleira Nelma Kodama, agora em liberdade. Todos os sábados os dois faziam pizzas para os companheiros de cela.

A vida de presidiário nem sempre foi tranquila. Em fevereiro de 2016, quando deixou o CMP e voltou à sede da PF, Marcelo foi para a ala apelidada pelos presos de “classe C”. Tinha direito há uma hora diária de banho de sol e permissão para encontros com advogados limitados há 30 minutos. Na época, preparava sua defesa para as alegações finais da ação da Petrobras, na qual foi condenado a 19 anos e quatro meses de prisão, em 2016. Como não conseguia colaborar como queria, ficou irritado, perdeu o sono e a fome.

 

O programa ‘Fantástico’ apresentado pela Rede Globo, vai comentar neste domingo (10) mais uma vez o caso da menina Beatriz,  ocorrido em Petrolina no dia 10 de dezembro de 2015. Segundo informações, a Globo melhorou as imagens do autor do crime, um  trabalho realizado com a tecnologia da Globo Filmes, no Projac/RIO.

 

O repórter pernambucano Francisco José, manteve entrevista  com os pais da garota e deve comentar os  dois dias que esteve em Petrolina e Juazeiro (26 e 27 ) de algumas situações ainda não esclarecidas, levando  novos sentimentos para as casas dos brasileiros, do crime que até o momento ainda não foi desvendado pelas autoridades policiais, no dia em que o caso completa dois anos do trágico assassinato da garota em uma escola privada de Petrolina. Acompanhe. O Fantástico começa às 20 horas, horário local.

 

Primeiro round do encontro das oposições será a violência em Pernambuco

 

http://www.folhape.com.br/obj/41/245976,930,80.jpg

O primeiro encontro oficial do novo palanque de oposição ao governador Paulo Câmara (PSB), nesta segunda-feira (11), trará o primeiro round da disputa de 2018: um ataque sobre a crise da violência em Pernambuco. Dados não oficiais indicam que os homicídios em 2017 já ultrapassaram a marca histórica de 5 mil mortes no ano, um recorde histórico e negativo de um programa tão exitoso no passado.

 

O Pacto já foi o maior cartão de visitas do PSB e do falecido Eduardo Campos, na campanha presidencial de 2014. Agora, os senadores Armando Monteiro (PTB) e Fernando Bezerra Coelho (PMDB), o deputado Bruno Araújo e os ministros Mendonça Filho (DEM) e Fernando Filho (sem partido) vão usar a derrocada do programa como arma política contra o PSB.

Como reação prévia, Paulo Câmara, nas últimas semanas, fez uma série de anúncios na área metropolitana e interior de reforço do efetivo policial e mais batalhões. Esse é o tema que gera maior desgaste para o governo. Mas auxiliares de Paulo asseguram: pesquisas internas mostram que há uma reação do governo na área e isso ficará mais claro até março. Pode ser. Mas o primeiro round já será amanhã.

 

Estimativa

A oposição estima que vai juntar mais de 1.200 pessoas no Recife, no Arcádia do Paço Alfândega. A lista dos convocados inclui prefeitos, ex-prefeitos, deputados, empresários e lideranças ligadas a entidades setoriais.

 

Nomes da oposição ao PSB tratam o encontro em Caruaru, em agosto, como ensaio do bloco, pois o evento era do Ministério das Cidades. Amanhã será um ato 100% político. Houve convocação em massa de aliados para mostrar a força do bloco, que não inclui o ministro da Defesa, Raul Jungmann (PPS), presente em agosto.

Para não ficar somente nos discursos políticos, o bloco de oposição pretende apresentar dados e estatísticas para corroborar a avaliação política do acumulado de problemas de Pernambuco relacionados à gestão do PS

 

 

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira inaugura neste domingo (10), logo após a missa, a decoração e iluminação natalina para este ano.

A decoração contará um trenó com Papai Noel e um novo presépio, em tamanho real,
instalados na Praça Alfredo de Arruda Câmara. Além de painéis grafitados para que
os visitantes possam tirar fotos e diversos símbolos natalinos.
 

Além da Praça Alfredo de Arruda Câmara, a Prefeitura também instalou elementos de decoração e iluminação  na Praça de Alimentação e no Prédio sede da Prefeitura a decoração. O acendimento das luzes será realizado pelo Prefeito de Afogados, José Patriota.
 

 

 

OPERAÇÃO PAPAI NOEL - SEGURANÇA EM PERNAMBUCO É REFORÇADA ATÉ O NATAL

 
A Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) vai reforçar, a partir desta sexta-feira (8), o patrulhamento nos principais centros comerciais do Estado. A Operação Papai Noel vai colocar nas ruas 3.812 agentes a mais para ajudar a reprimir furtos e roubos nesses locais. A ação segue até o dia de Natal (25) e funcionará durante todo o horário comercial, regular ou estendido. A iniciativa foi anunciada na tarde desta quinta (7), em coletiva realizada na sede da Secretaria de Defesa Social (SDS), em Santo Amaro, Centro do Recife.
 
Ao todo, 33 cidades serão contempladas. Só na Capital, a adição será de 992 policiais. As outras treze cidades da Região Metropolitana recebem 640. No Interior, Caruaru contará com 512 PMs extras; Garanhuns, 190; Santa Cruz do Capibaribe, 166; e Petrolina no Sertão terá mais 128. O pagamento desses agentes será feito através de diárias. 
 
 
"Identificamos as cidades-pólos onde existe grande concentração de pessoas comprando e vendendo e estabelecemos aí esses 33 municípios que terão policiamento reforçado", disse o secretário estadual de Segurança Antônio de Pádua. Ainda, segundo o gestor da pasta, o reforço operacional se aplica tanto aos agentes a pé, quanto aos motorizados. "Já existe um reforço do com a Operação Têxtil nas feiras de Santa Cruz do Capibaribe, Caruaru e Toritama. A Operação Natal irá somar", concluiu Pádua. 
 
O coronel Roberto Santana, diretor de planejamento operacional da PMPE, espera que a operação ajude a tranquilizar os consumidores neste final de ano. "Esses números de CVP (Crimes Violentos contra o Patrimônio, como são contabilizados esses roubos) já foram reduzidos. E queremos que diminuam mais para que a população se sinta segura e tranquila para ir às compras", disse o coronel. 
 
Localidades
 
No Recife, serão intensificados o 11º, 12º, 13º, 16º e 19º Batalhões de Polícia Militar (BPM) e a Companhia Independente de Apoio ao Turista (CIATUR). Na Região Metropolitana, a operação está em Olinda (1º BPM e CIATUR); Jaboatão dos Guararapes (6º e 25º BPM); Paulista, Abreu e Lima, Igarassu, Itamaracá, Itapissuma e Araçoiaba (17º BPM); Cabo de Santo Agostinho e Ipojuca (18º BPM); Camaragibe e São Lourenço da Mata (20º BPM); e Moreno (25º BPM). O reforço na RMR representa 42,8% do efetivo destacado pela polícia - são 1.632 agentes a mais nos 14 municípios. 
 
O reforço na Zona da Mata fica nas cidades de Goiana (com a 3ª CIPM), Palmares (10º BPM), Vitória de Santo Antão e Escada (21º BPM). Já no Agreste, chega em Gravatá por meio da 5ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM); Caruaru (4º BPM); Garanhuns (9º BPM); Pesqueira (8ª CIPM); Belo Jardim (15º BPM); Surubim (22º BPM); Santa Cruz do Capibaribe e Toritama (24º BPM). Por fim, no Sertão do Estado, foram selecionados os municípios de Arcoverde (3º BPM); Petrolina (5º BPM); Ouricuri e Salgueiro (8º BPM); Serra Talhada (14º BPM); Afogados da Ingazeira (23º BPM) e Santa Maria da Boa Vista (7ª CIPM).
 
Da Folha de Pernambuco

 

Polícia Militar encontra corpo crivado de balas em bairro de Serra Talhada


Serra Talhada registrou nesta sexta-feira (8) o 37º homicídio do ano. A Polícia Militar encontrou o corpo de um homem, de 26 anos, às margens da Avenida Gregório Ferraz, no bairro Universitário. De acordo com informações da Policia Civil, a vítima tinha marcas de disparos de arma de fogo.
Moradores do entorno, que confirmaram terem ouvido disparos de revólver durante a madrugada. “Eu ouvi os tiros por volta da meia noite. Escutei quatro disparos, mas não sai de casa, é claro”, disse um morador do Universitário, que pediu para não ser identificado.
ESCALADA DE CRIMES
O homicídio de número 36 ocorreu no mês passado, após um tiroteio numa oficina de Serra Talhada, quando faleceu um jovem de de 21 anos.
No dia 25 de novembro foi confirmado o 35º homicídio com a morte de Flávio José dos Santos Silva, 23 anos, que encontrava-se hospitalizado em um hospital do Recife, após se envolver numa briga no distrito de Varzinha e ter matado com golpes de faca peixeira Antonio José dos Santos, no dia 16 de novembro.
O 34º homicídio foi contabilizado após a morte do advogado Domingos Sávio Lima Silva, na quarta-feira (22), também vítima de violência.
Do Farol com fotos de Max Rodrigues

 

 
Mais de nove milhões de celulares foram bloqueados em todo o país no mês de novembro. Os números constam no Cadastro Nacional de Estações Móveis Impedidas (Cemi) e foram divulgados ontem (08) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).
 
No total, o Cemi registrou 9.123.567 celulares bloqueados em novembro. De acordo com a agência, os dados mostram que houve um aumento 1,33% na comparação com outubro, com 119.421 a mais aparelhos bloqueados.
 

 

Os dados do Cemi mostram que, nos últimos 12 meses, mais de 1,5 milhão de celulares foram bloqueados em decorrência de roubo, furto ou perda, na comparação com novembro de 2016.

 

Os bloqueios são decorrentes de solicitação direta dos usuários às empresas telefônicas ou pelo registro de Boletim de Ocorrência nas polícias dos estados e do Distrito Federal.

 

 
Caso a reforma da Previdência não seja aprovada neste governo, poderá ocorrer cortes de salários e aposentadorias de servidores públicos nos próximos anos, afirmou o presidente Michel Temer nesta sexta-feira (08), em evento da Abinee (associação do setor eletroeletrônico), em São Paulo.
 
"Se não fizermos agora, em 2019 ou 2020 teremos uma reforma previdenciária radical", disse ele, citando exemplos de outros países, como a Grécia, onde foi preciso fazer cortes de 20% a 30% nas pensões e vencimentos de servidores públicos.
 
"O deficit previdenciário hoje está em R$ 180 bilhões. Sem a reforma, serão mais R$ 45 bilhões no ano que vem e outros R$ 50 bilhões no ano seguinte. Quando chegar 2020, poderá haver cortes de salários", afirmou em seu discurso.
 

 

A expectativa com o atual projeto da reforma, mais enxuto que o original, é economizar R$ 50 bilhões por ano.
 
A votação deverá ocorrer na última semana antes do recesso parlamentar, entre os dias 18 e 19 de dezembro, de acordo com o presidente, que disse não cogitar deixar a pauta para o ano que vem.
 
"Estamos colhendo os votos. Suponho que até lá [dia 18] teremos", disse.
 
Segundo Temer, além de PMDB e PTB, o PPS deverá fechar questão sobre o tema -ou seja, poderá haver punição para quem não seguir a orientação do partido.
 
"Há também partidos como o PP, por exemplo, em que temos 90% [dos parlamentarem que teriam se manifestado a favor da votação]. Em um ou outro partido, há mais dificuldade. Se somarmos 308, vamos levar a voto."
 
Até quinta-feira (07), a contagem era de 270 parlamentares a favor da reforma.
 
A meta do governo é conquistar os cerca de 40 votos necessários para a aprovação nos próximos dez dias, com liberação de verbas e remanejamento de cargos. O texto precisa ser aprovado em dois turnos na Câmara e depois segue para o Senado.
 
Entre as medidas para agradar parlamentares, estão repasses aos Estados, a liberação recursos de emendas parlamentares ainda não executadas, além dos projetos de renegociação de dívidas de empresas com o fisco.
 
O governo ainda estuda devolver cargos a deputados que, por votarem contra o governo nos últimos meses, haviam sido punidos com a perda de vagas para aliados.
 
O presidente aproveitou o evento com os empresários para pedir que estes ajudassem a pressionar parlamentares pela aprovação.
 
"Gostaria de pedir aos senhores para que se dedicassem a ligar para os deputados, fazer uma força-tarefa para ir ao Congresso, dizer que ninguém [individualmente] terá prejuízo, quem terá prejuízo é o Brasil, são os aposentados", disse.
 
Em seu discurso, ele voltou a defender que a reforma da Previdência "é mais para pobres e menos para os ricos".
 
 
INFORMÁTICA: No evento, o presidente ainda assinou a MP que dá uma segunda chance para as empresas que se beneficiaram da Lei de Informática e não conseguiram comprovar suas contrapartidas de investimentos em pesquisa e desenvolvimento.

 

Pelo novo projeto, as empresas com pendências poderão fazer os aportes devidos em um prazo de 48 meses -até agora, o prazo era de três meses, e a punição seria a suspensão do programa.

 

Hoje, são 600 as empresas de informática que se beneficiam dos incentivos fiscais. A renúncia fiscal por ano é de R$ 5 bilhões, e o valor anual que deveria ser reinvestido seria de R$ 1,5 bilhão. (Via: Folhapress)

 

 

 


 

O senador Fernando Bezerra Coelho (PMDB) subiu nesta sexta-feira o morro da Conceição, em Casa Amarela, para participar das festividades em homenagem a Nossa Senhora da Conceição. Ele fez a caminhada por volta das 7h, ao lado do vereador do Recife Marco Aurélio Medeiros (PRTB) e de lideranças comunitárias da Zona Norte da capital. No trajeto até o Santuário foi bastante cumprimentado pelas pessoas, que o parabenizavam pela atuação parlamentar no Senado Federal e pela firmeza dos posicionamentos públicos. Fernando acompanhou a missa na igreja localizada lado da estátua de Nossa Senhora. “Sempre que eu posso venho aqui para fazer também minhas orações. É uma festa muito bonita, marcada pela emoção e pela grande devoção popular”, afirmou. Ao final, Marco Aurélio organizou um café da manhã, com direito a bolo de aniversário para Fernando, que completou aniversário na quinta-feira (07).
 

‘Não debato com condenados por crime’, diz Moro sobre Lula

 
 
Após participar nesta sexta-feira do 4º Evento “Petrobras em Compliance”, na sede da estatal, no centro do Rio de Janeiro, o juiz federal Sergio Moro se negou a comentar a fala do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para quem a Operação Lava Jato tem servido para desmoralizar a Petrobras e o Rio. “Não debato publicamente com pessoas condenadas por crime” respondeu Moro, quando indagado sobre o assunto.
 
Em caravana pelo estado, Lula disse que “a Lava Jato não pode fazer o que está fazendo com o Rio” e que, “por causa de meia dúzia que eles dizem que roubou, e que ainda não provaram, não podem causar o prejuízo que estão causando à Petrobras”.
 

 

Depois do evento, Moro ainda criticou o foro privilegiado e disse que casas legislativas podem agir “com desvio de poder”, ao evitar a prisão de parlamentares. “O foro privilegiado fere o princípio da igualdade. Todas as pessoas têm que ser tratadas de maneira igual perante a lei. O princípio da igualdade está na base da nossa democracia. Por outro lado, na prática, os tribunais superiores estão assoberbados de processos, estão sobrecarregados de recursos”, afirmou.
 
Segundo o juiz, é preciso pensar também nos mecanismos de proteção jurídica dos agentes políticos. “Houve aquela discussão se está sujeita ou não uma prisão de um parlamentar a uma casa legislativa, não vou entrar no mérito da controvérsia. Mas, ainda que se for reconhecer alguma espécie de proteção, ela deve ser utilizada para proteger o parlamentar quanto a eventual perseguição política por conta da sua opinião pública e não para protegê-lo de investigações ou perseguições por corrupção”, acrescentou.
 
Por meio de nota, a defesa do ex-presidente lembra que a Petrobras figura como parte interessada em processos da Lava Jato e afirma que “em nenhum lugar do mundo seria aceitável que o juiz da causa fosse visitar uma parte para dar conselhos jurídicos a ela”. “O discurso feito hoje pelo juiz Sergio Moro na sede da Petrobras por si só compromete a aparência de imparcialidade e pode motivar o reconhecimento da sua suspeição”, completa o advogado Cristiano Zanin Martins, que defende Lula.
 
Protestos contra Moro e Bretas: Antes do evento na sede da Petrobras, um grupo de manifestantes protestava, debaixo de chuva, contra a presença de Sergio Moro na empresa. O juiz federal Marcelo Bretas, responsável pelo braço fluminense da Lava Jato, que acompanhava Moro, também foi alvo do protesto.
 
Em nota de repúdio, funcionários da Petrobras chamaram Moro de “corrupto e golpista”. O deputado federal Wadih Damous (PT-RJ) participou da manifestação. Segundo ele, o magistrado ajudou a “destruir a empresa”.
 
“O fato de ser figura polêmica conduzindo uma operação questionável em seus objetivos declarados já configuraria um bom motivo para que a direção da empresa não o convidasse”, diz a nota. “Porém, uma vez que os trabalhadores não foram consultados quanto ao destaque conferido ao juiz nas dependências da empresa, este manifesto de repúdio visa a evidenciar que ele não conta com aprovação plena de toda Petrobras.”

 

Segundo o manifesto, a Operação Lava Jato parece uma série de TV, “atuando em parceria com a mídia monopolista e empresarial e alçando ao estrelato juízes e procuradores que deveriam agir de modo independente e discreto, sem pronunciamentos e ações espetaculosas conforme exige a profissão, opostamente ao que temos assistido”. (Via: Estadão)
 
 

 

Namorado de Fátima Bernardes critica Tiririca nas redes

 
 
Conhecido pelas suas posições políticas "de esquerda", o namorado da apresentadora Fátima Bernardes, Túlio Gadêlha, criticou nas redes sociais o discurso político de Tiririca. Com a hashtag #falasériotiririca, o pernambucano ironizou o depoimento do humorista, que renunciou ao cargo de senador por estar "envergonhado" com a política brasileira.
"Votou a favor do golpe. Votou a favor da PEC que congela investimentos em saúde e educação por 20 anos. Votou a favor da entrega do pré-sal a multinacionais. Votou a favor da Reforma que tira direitos do trabalhador. E renuncia se dizendo decepcionado com a política... Tu tá de brincation with me?", diz o texto da foto compartilhada pelo advogado.
Em novembro passado Gadelha foi nomeado presidente do Instituto de Terras e Reforma Agrária do Estado de Pernambuco. Ele rebateu publicamente acusações de que teria sido designado para a função devido ao seu relacionamento com a global, criticando o jornal que publicou a notícia. Segundo o advogado, o veículo deveria "entender a importância de seu papel social e não apenas querer vender jornal".
 

Brasil ultrapassa Rússia e agora tem 3ª maior população carcerária do mundo

 
 
O Brasil ultrapassou a Rússia em 2015 e agora abriga a terceira maior população prisional do mundo, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (8) pelo Ministério da Justiça. Eram 699 mil brasileiros presos naquele ano, contra 642 mil russos. Só perdemos para os Estados Unidos (2,1 milhões) e a China (1,6 milhão).

Também temos a terceira maior taxa de encarceramento por 100 mil habitantes (342) desde 2000, quando ultrapassamos os chineses (119). O índice é mais baixo apenas que o dos americanos (698) e da Rússia (445), mas é o único que está em crescimento contínuo desde 1995.
 

 

Os dados são do Infopen (Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias), que é feito pelo Depen (Departamento Penitenciário Nacional) desde 2004. A coleta é realizada por meio de um formulário digital, preenchido pelos gestores de todos os estabelecimentos prisionais dos Estados brasileiros.

O censo de dezembro de 2014 era o mais atual até esta sexta, quando o órgão lançou as informações de dezembro de 2015 e junho de 2016, colhidas de maneira simultânea no ano passado.

Mais superlotação: O levantamento mais recente indica que o número de vagas no sistema prisional brasileiro diminuiu, na contramão da população carcerária, que só cresce. Foram registradas 3.152 vagas a menos (queda de 0,8%) e 28.094 presos a mais (alta de 4%) no primeiro semestre de 2016, com relação ao fim de 2015.

Com isso, a taxa de ocupação nas prisões saltou de 188% para 197% no período, ou seja, há dois presos para cada vaga em presídios no Brasil. Na prática, nove em cada dez detentos vivem em unidades superlotadas.

Superlotação: Para Rafael Custódio, da ONG Conectas Direitos Humanos, os novos números não são surpresa. "O resultado do levantamento é reflexo de uma opção política. O Brasil continua insistindo no erro do encarceramento em massa de pobres, negros e jovens." O levantamento, afirma, reforça o fato de que as rebeliões que ocorreram no início deste ano no Amazonas, em Roraima e no Rio Grande do Norte não foram por acaso.

Em janeiro, conflitos entre facções criminosas dentro de presídios deixaram mais de 120 detentos mortos nesses Estados. Os três registraram taxas de superlotação acima da média nacional em 2016 -o AM é disparado o pior do país, com 484%.

"Um Estado que deixa sua taxa de ocupação chegar a esse ponto é um Estado omisso e que está conivente com a violação dos direitos humanos", diz Custódio.

Perfil dos presos: Segundo o estudo, o perfil do detento brasileiro não mudou. A maioria é negra, homem, tem 18 a 29 anos, fundamental incompleto e foi presa por crimes ligados ao tráfico de drogas ou roubos e furtos. Já a porcentagem de presos sem condenação aumentou. Passou de 37,5% em dezembro de 2015 para 40,2% em junho de 2016.

Os piores Estados são Ceará (66%) e Sergipe (65%); os melhores são Amapá (23%) e Rondônia (17%). São Paulo está abaixo da média nacional, com 32%.
 
Apesar de o relatório do Infopen ser público, os dados em formato aberto -que permitiriam análises mais completas das informações- não serão divulgados, segundo a assessoria de imprensa do Ministério da Justiça. (Via: Folhapress)

 

Um duplo assassinato ocorrido por volta das 08:00 desta sexta-feira dia (08), em frente a lanchonete do Bony, as margens da BR 104, na entrada de Toritama, chocou a população da cidade, pois foram assassinados o sulanqueiro, José Iranildo da Silva, conhecido por “Nidin”, de 36 anos, e o filho, Hyann Thiago da Silva, de apenas 7 anos, que moravam na Rua Henrique Tavares, no bairro Fazenda Velha.
 
A irmã e tia das vítimas, Ivânia Isaura, disse que não tem conhecimento se o irmão teve algum desentendimento com alguém, nem se vinha recebendo ameaças de morte e disse ainda que ele além de trabalhar na sulanca, criava alguns animais de pequeno porte, nunca foi preso e era bem quisto na cidade.
 

 

De acordo com o Blog do Adielson Galvão, o delegado regional de Santa Cruz do Capibaribe, Dr. Júlio Porto, informou que tanto ele, quanto os policiais de sua equipe, ficaram chocados com tamanha violência, de além de ceifarem o pai mataram o garoto. 
 
Ele destacou que foi uma dupla execução, o pai foi morto com três tiros na cabeça e o menino com dois tiros também na cabeça e que pelo que foi informado pelas testemunhas, pai e filho estavam numa moto e foram interceptados por elementos que chegaram em um veículo prata, executaram as vítimas e fugiram em seguida. Ele falou que quem quiser ajudar nas investigações e souber quem cometeu esse duplo homicídio, que ligue para o Disque Denuncia Agreste (81) 3719-4545que terá a identidade preservada.
 
Os corpos das vítimas foram encaminhados para o IML de Caruaru.

 

 

Cidades como  Brejinho, Sertânia, Carnaíba, Ingazeira, São José do Egito,  Itapetim, Tuparetama, Santa Cruz da Baixa Verde, Flores, Triunfo tem índice moderado. Solidão, Iguaracy, Afogados,  Calumbi e  Serra, insuficiente.

Levantamento realizado pelo Tribunal de Contas do Estado mostra uma evolução no nível de transparência dos municípios pernambucanos em 2017, em comparação aos números do ano passado.

O trabalho foi realizado pelo Núcleo de Auditoria Especializadas do TCE, por meio da Gerência de Auditoria de Tecnologia da Informação, em parceria com o Departamento de Controle Municipal, com o objetivo de estimular a transparência pública e tornar mais efetivo o controle social e o exercício da cidadania.

 

O estudo, realizado anualmente desde 2015, foi elaborado a partir de um diagnóstico dos portais de transparência das 184 prefeituras do Estado, feito entre os meses de maio e novembro deste ano. Para cada portal avaliado foi calculado o Índice de Transparência dos Municípios de Pernambuco –  ITMpe,  que pode variar entre zero e 1.000 pontos. De acordo com o valor obtido, os portais são classificados em cinco níveis de transparência, Desejado, Moderado, Insuficiente, Crítico e Inexistente.

 

Segundo o levantamento, o número de prefeituras enquadradas nos níveis Desejado e Moderado de transparência aumentou, passando de 79 em 2016 para 101 este ano. 55 municípios (30%) ampliaram o seu nível de transparência, 92 (50%) permaneceram na mesma situação de 2016 e 36 (20%) apresentaram uma diminuição na pontuação do índice, segundo a metodologia adotada pelo TCE. As cidades do Recife e de Jaboatão do Guararapes foram as únicas que alcançaram o nível Desejado de transparência.

 

RANKING – No ranking dos municípios que ocupam as 10 melhores posições estão Recife, Jaboatão dos Guararapes, Garanhuns, Gravatá, Brejinho, João Alfredo, Calçado, Olinda, Cabrobó e Taquaritinga do Norte.

 

Já as prefeituras de Maraial, Exu, Carnaubeira da Penha, Vitória de Santo Antão, Betânia, Catende, Água Preta, Ribeirão, Santa Maria da Boa Vista e Tracunhaém ocupam as dez piores colocações no ranking, apresentando níveis muito baixos de transparência, não permitindo um controle social minimamente satisfatório. Destas, três não dispõem de portais de transparência, estando enquadradas no nível inexistente (nota zero). São elas: Ribeirão, Santa Maria da Boa Vista e Tracunhaém.

Outra evolução importante diz respeito à disponibilidade das informações ao público. No ano passado, 65% da população tinham acesso a um nível Desejado e Moderado de transparência. Em 2017 este percentual passou para 71%, o que possibilita um controle social mais efetivo.

 

No Sertão, se destacam no ranking de Transparência com nível moderado os municípios de Brejinho, Sertânia, Carnaíba, Santa Terezinha, Custódia, Tabira, Arcoverde, Ingazeira, São José do Egito,  Itapetim, Quixaba, Tuparetama, Santa Cruz da Baixa Verde, Petrolina, Flores, Triunfo e Araripina.

 

Com nível insuficiente, Salgueiro, Solidão, Iguaracy, Afogados da Ingazeira, Floresta, Calumbi e  Serra Talhada.  Betânia consta como uma das piores, com índice considerado crítico. 

PROVIDÊNCIAS – Dentre as ações propostas pela Coordenadoria de Controle Externo do TCE e acatadas pelo Conselho do Tribunal de Contas para estimular o aperfeiçoamento da transparência pública, estão o envio de Alertas de Responsabilização aos prefeitos e presidentes das Câmaras para que envidem esforços no sentido de implantar melhorias em suas administrações. Além disso, serão formalizados 75 processos de Gestão Fiscal, sendo 43 nas prefeituras e 32 nas Câmaras, que podem resultar em aplicação de multas por descumprimento da legislação.

 

Desde o ano passado, o TCE vem intensificando essas ações. Com base nos resultados do ITMpe de 2016, foram formalizados 36 processos de gestão fiscal, com aplicação de multas no valor R$ 287.615,50.

 

Publicado em 08 de dezembro 2017

 

 

Clique aqui e comente sobre isto: 

 

 

 

 

 

O governador Paulo Câmara assinou, nesta quinta-feira (07.12), a Instrução Normativa Conjunta nº 001/2017, que prevê a alienação antecipada de veículos apreendidos, abandonados ou desativados, que estejam sob a guarda do Poder Público em depósitos e galpões estaduais.

A medida é fruto de uma parceria entre o Governo de Pernambuco, o Tribunal de Justiça do Estado (TJPE), a Corregedoria Geral da Justiça do Estado (CGJPE), o Ministério Público do Estado (MPPE), a Polícia Civil (PCPE) e o Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (DETRAN PE).

 

A ação, que segue o Manual de Bens Apreendidos do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), tem como objetivo evitar o acúmulo, a deterioração e a perda do valor desses veículos ao longo do tempo, além de servirem de abrigo para focos de mosquitos transmissores de doenças. A assinatura do ato aconteceu durante reunião do Pacto Pela Vida, na sede Secretaria Estadual de Planejamento e Gestão, no bairro de Santo Amaro, no Recife.

 

“É só olhar o dia a dia do cotidiano, ao passar em uma delegacia de Polícia e ver a quantidade de veículos nos pátios, veículos que estão se deteriorando, enferrujados, que são focos de mosquitos transmissores de doenças. Mas quando existe boa vontade, capacidade de diálogo, de sentar na mesa e fazer as parcerias certas, é possível fazer diferente. E graças ao essencial apoio do Tribunal de Justiça, do Ministério Público, da Controladoria Geral e das demais instituições envolvidas, nós poderemos dar mais agilidade e eficiência a esse processo”, destacou o governador.

Após a apreensão do veículo por parte do Estado, o proprietário ou o detentor tem um prazo de 60 dias para reivindicar o direito de posse e realizar a quitação de possíveis encargos, multas e/ou tributos devidos. Após este prazo, caso o Estado não seja procurado, ou o proprietário ou detentor seja desconhecido, será realizada a alienação cautelar do veículo.

O valor adquirido em leilão será depositado em conta judicial até o desfecho do processo, podendo o ser revertido em renda para o Estado, no caso de condenação, ou devolvido com as devidas correções monetárias ao proprietário, no caso de absolvição.

DADOS – Ao todo, o Estado conta com 12.736 veículos apreendidos em dois galpões do Detran; um depósito credenciado no Jaboatão dos Guararapes; galpões de diversas delegacias de Polícia Civil; além do apoio das Ciretrans no Interior do Estado. Por mês, são gastos pelo Governo de Pernambuco cerca de R$ 900 mil reais para a manutenção desses espaços.

 

Ex-ministro diz em delação que Kadafi, líder líbio morto em 2011, deu 1 milhão de dólares à campanha de Lula em 2002; ação pode levar à cassação do partido
 
 
A imagem acima foi captada no encontro da Cúpula América do Sul-Áfri­ca, que aconteceu na Venezuela em 2009. Lula era presidente do Brasil pela segunda vez e o ditador Muamar Kadafi ainda comandaria a Líbia por mais dois anos, antes de ser deposto, capturado e executado. Não é uma cena protocolar, como se observa no aperto de mão informal. A fotografia retrata dois líderes que se diziam “irmãos”. Durante 42 anos, Kadafi governou a Líbia seguindo o protocolo dos tiranos. 
 
Coronel do Exército, ele liderou um golpe em 1969. No poder, censurou a imprensa, reprimiu adversários e impôs leis que permitiram punições coletivas, prisão perpétua, tortura e morte a quem contrariasse o regime. Dinheiro líbio também financiou grupos terroristas e movimentos políticos em vários cantos do planeta. Entre os que receberam recursos da ditadura líbia estavam, de acordo com o ex-minis­tro Antonio Palocci, o PT e seu líder máximo, o ex-presidente Lula.
A revelação de Palocci está contida na sua proposta de delação entregue ao Ministério Público. Segundo ele, em 2002 Kadafi enviou secretamente ao Brasil 1 milhão de dólares para financiar a campanha eleitoral do então candidato Lula. Fundador do PT, ex-­prefeito de Ribeirão Preto, ex-ministro da Fazenda do governo Lula e ex-­chefe da Casa Civil de Dilma Rousseff, Palocci esteve no centro das mais importantes decisões do partido nas últimas duas décadas. 
 
Condenado a doze anos por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, há sete meses ele negocia um acordo de delação premiada. Em troca de redução de pena, compromete-se a contar detalhes de mais de uma dezena de crimes dos quais participou. Um dos capítulos da colaboração trata das relações financeiras entre Lula e o ditador líbio — e tem potencial para fulminar o partido e o próprio ex-presi­dente. (Via: Veja)

 

IBGE aponta que mais de 80% dos homens fazem tarefas domésticas

 
  •  
  •  
  •  

Mais de 80% dos brasileiros com 14 anos ou mais de idade fazem algum tipo de tarefa doméstica em casa ou na casa de algum parente, o equivalente a 135,5 milhões de pessoas.

Mas as mulheres permanecem mais sobrecarregadas nesse tipo de função do que os homens. Os dados são da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua – Outras Formas de Trabalho, referente a 2016.
Enquanto 89,8% das mulheres realizavam atividades domésticas, esta proporção era de 71,9% entre os homens. O tempo dedicado a esses serviços também mostrou diferença entre os sexos.

 

 

Professores contratados fazem protesto nesta manhã em frente a prefeitura de Petrolina.

 
 

Os professores contratados, em 2016, voltam a protestar nesta sexta feira 08, em frente a prefeitura de Petrolina, PE. Este será o segundo ato promovido pelos contratados que vem cobrando do prefeito Miguel Coelho, PSB, uma audiência, no sentido de recebe-los. A intenção dos mesmo é convencer o chefe do executivo a renovar os contratos que vencem agora no final de dezembro. Mais de 200 professores estão nessa condição.
 
Nas redes sociais, eles se organizam, e postaram este texto onde demonstram indignação.
 
Excelentíssimo Sr. Prefeito Miguel Coelho, nós professores contratados da rede municipal, estamos indignados com a postura que vossa excelência vem tendo conosco.                                   O governo do novo tempo,vem mostrando-um verdadeiro torturador dê nossa categoria.              
 
Há alguns meses atrás,foi anunciado durante uma reunião de gestores que nossos contratos seriam prorrogado, porém o governo vendo o crescimento de nossa luta quis calar a nossa boca, ganhando tempo para que desse modo mais números aos índices do SAEPE, hoje estamos vendo a realidade deste governo que não tem palavra,com a perspectiva de até terça-feira sair o edital para o processo é que nossos contratos só irão até 21/12. Bem se ver a importância que o mesmo vem dando a esta classe que é formadora de opinião. Cadê o respeito para com o nosso trabalho? É vergonhoso o que está acontecendo.
 

Grupo das Oposições liderado pelos senador Fernando Bezerra, realiza ato “Pernambuco Quer Mudar”

 
 
 



O Grupo das Oposições em Pernambuco, liderado pelos senadores Armando Monteiro (PTB) e Fernando Bezerra Coelho (PMDB), os ministros Fernando Filho (Minas e Energia) e Mendonça Filho (Educação), o deputado federal Bruno Araújo (PSDB), e os ex-governadores João Lyra Neto (PSDB) e Joaquim Francisco (PSDB) realizam, na próxima segunda-feira (11), o primeiro grande ato político. O evento ocorrerá no Arcádia do Paço Alfândega, a partir das 17h, no bairro do Recife. Em pauta, os rumos do Estado e a necessidade de Pernambuco mudar.

 

Temer libera R$ 35 mi para Canal Acuã-Araçagi

 
 

O presidente Michel Temer (PMDB) liberou nesta quinta-feira (07) cerca de R$ 35,9 milhões que serão usados na continuidade da construção do Canal Acauã-Araçagi.

A obra terá mais de 112 quilômetros e irá irrigar 16 mil hectares de agriculturas. O anúncio foi feito pelo ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, ao senador Raimundo Lira (PMBD), que já comunicou o envio do recurso ao governador Ricardo Coutinho (PSB).

Ao Portal MaisPB, o senador Raimundo Lira (PMDB) afirmou que já recebeu a notificação do envio da verba, que será depositada direta na conta do Governo do Estado.

De acordo com o senador, esta, que é considerada a maior obra da Paraíba, levará água a 590 mil habitantes, de 38 municípios. “Não existe outra solução para resolver os problemas hídricos dessa região do Estado”, afirmou Lira.

 

 

Ganhador do “BBB 3”, Dhomini vende cosméticos com a mulher

 
 

Dhomini e a mulher, Adriana (Foto: Reprodução/Instagram)

Dhomini leva uma vida bem distante do estrelato 14 anos após vencer o “Big Brother Brasil 3”. O ex-participante do reality show, que ficou famoso ao viver um romance com Sabrina Sato, atualmente revende cosméticos ao lado da mulher, Adriana, com quem tem cinco filhos.

O goiano chegou a ter uma nova oportunidade no programa, na edição de 2013, mas foi eliminado da casa na segunda semana, depois de dar uma declaração polêmica dizendo que já arrancou os dentes de um cachorro.

Nas redes sociais dele e da mulher, vários registros mostram momentos felizes em família e do casal trabalhando. Dhomini e Adriana ministram palestras sobre venda e como obter sucesso nos negócios.

Confira imagens do ex-BBB:

Reprodução/ Instagram

 

Balanço de obras paralisadas em Pernambuco. Na Foto, Pedro Teixeira (auditor) e Ayrton Alcoforado (chefe do Núcleo de Engenharia do TCE).

Blog da Folha

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE) apresenta, na manhã desta quinta-feira (07), o resultado de um estudo acerca de obras públicas no âmbito estadual e municipal. O órgão identificou 1.547 obras paralisadas ou com indícios de paralisação em 154 prefeituras e Executivo estadual, cujo valor alcança os R$ 6,2 bilhões. Deste montante, R$ 1,9 bi já foi pago.

O estudo se refere ao ano de 2016, mas o levantamento é feito, anualmente, desde 2014. Desde então, o aumento de obras paralisadas foi de 749%.

No que diz respeito ao Governo do Estado, o Tribunal de Contas apontou que há 245 obras paralisadas. Já no Recife, o número é de 68.

"A maior causa dessas paralisações é falta de planejamento. Muitas vezes o gestor começa a obra às pressas pra garantir os recursos e, no decorrer da execução, esbarra em equívocos de planejamento que implicam a paralisação", afirma Pedro Teixeira, auditor responsável pelo levantamento.

Segundo Teixeira, a ideia do estudo é garantir o cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal. "Nós queremos que o status da obra mude, garantir a celeridade e entrega".

 

Polícia prende homem que planejou sequestro de pai e filha no final de outubro em Araripina

 

 

Após os procedimentos legais da delegada Katianna Muniz, Eliomar Rodrigues Costa (foto) foi recolhido à Cadeia Pública de Araripina

Por Roberto Gonçalves / Foto: Polícia Civil – PE

Policiais Civis da 24ª Delegacia Seccional de Araripina, prenderam nesta quarta-feira (07), Eliomar Rodrigues Costa, 35 anos. Ele é acusado de planejar o sequestro de um empresário e sua filha, ocorrido no dia 31 de outubro, em Araripina, no Sertão pernambucano.

Após investigações, a Polícia Civil constatou que Eliomar atuou em conjunto com os indivíduos, Robson Douglas Santos Soares e José Giliarde da Silva, planejando e coordenado a dupla que realizou o sequestro.

Ainda de acordo com a Polícia, após a prisão dos sequestradores, ocorrida no mesmo dia da ação delituosa, foram realizadas várias investigações e diligências no intuito de descobrir se havia mais envolvidos e um possível mentor no crime.

Robson Douglas Santos Soares e José Giliarde da Silva, participaram do sequestro e foram presos no mesmo dia da ação (foto: Polícia Militar)

Depois que um áudio em que Eliomar tinha enviado aos comparsas, onde dava instruções de como coordenar o sequestro, começaram a investigar o acusado. No áudio, ele chegou a afirmar que conhecia bastante o empresário.

Após a prisão de Eliomar Rodrigues, a delegada Katianna Muniz, realizou os procedimentos praxe, e em seguida os policiais civis, Edelson Borges, Reginaldo Félix, o comissário Alexandre Campelo, recolheram o acusado à Cadeia Pública de Araripina, onde aguarda as determinações da justiça.

 

 

Ex-presidente e atualmente senadora do país teria acobertado iranianos acusados de atentado contra um centro judaico em 1994

JC Online / Foto: reprodução

A justiça argentina ordenou o fim do foro privilegiado e a prisão da ex-presidente e senadora Cristina Kirchner (2007-2015) por supostamente acobertar iranianos acusados pelo atentado contra um centro judaico que matou 85 pessoas 1994, informou nesta quinta-feira à AFP uma fonte judicial.

A ordem inclui ainda a seu ex-chanceler, Héctor Timerman, e outros ex-funcionários de seu governo.

 

Cristina Kirchner é acusada de traição à pátria por ter assinado em 2012 um acordo com o Irã para que os iranianos acusados pelo atentado fossem interrogados em Teerã ou em um terceiro país.

 

A decisão foi ditada pelo juiz federal Carlos Bonadío, a quem Kirchner se apresentou em outubro, quando apresentou um texto escrito negando todas as acusações.

“Como acontece regularmente na Argentina a notícia vazou primeiro pela imprensa e Cristina ainda não foi notificada”, disse à AFP uma pessoa próxima à ex-presidente.

Senado

Cristina Kirchner acaba de tomar posse como senadora, eleita nas eleições legislativas de outubro, e assumirá em 10 de dezembro.

Para que o pedido do juiz seja cumprido, ela deverá primeiro ser submetida a um processo de perda do foro privilegiado no Congresso. Para isso, é preciso que o governo do presidente Mauricio Macri inclua esse pedido em uma convocatória a sessões extraordinárias.

 

O pedido deverá ser tratado pelo Senado, precisando ser aprovado por dois terços dos presentes.

A partir de 10 de dezembro a aliança governista Cambiemos terá 25 cadeiras (de um total de 72), enquanto o peronismo terá 32. No entanto, apenas dez desses peronistas respondem diretamente a Kirchner.

 

O processo conduzido por Bonadío foi aberto em razão de uma denúncia do procurador Alberto Nisman apresentada quatro dias antes de ele morrer, em 18 de janeiro de 2015.

“É um grande disparate jurídico. O objetivo desta perseguição judicial é atemorizar os dirigentes da oposição no Parlamento. Querem um Parlamento submisso”, disse a senadora na saída dos tribunais, quando se apresentou ao juiz.

 

Nesta quinta-feira, também foi preso em sua casa de Río Gallegos, na província austral de Santa Cruz, o ex-secretário da ex-presidente, Carlos Zannini, braço direito de Kirchner.

O magistrado Bonadío também acusou, sem prisão preventiva e com proibição de sair do país, ao ex-titular da Agência Federal de Inteligência, Oscar Parrilli e ao dirigente social kirchnerista Luis D’Elía, entre outros.

O atendado contra o centro judaico AMIA é o mais grave cometido na Argentina, e aconteceu dois anos depois de outro atentado, em 1992 contra, a embaixada de Israel em Buenos Aires.

 

A afirmação do prefeito foi feita nesta quinta-feira (07) na Rádio Arari FM

Por Roberto Gonçalves / Foto: reprodução

O prefeito de Araripina Raimundo Pimentel (PSL), disse nesta quinta-feira (07) na Rádio Arari FM, que a Faculdade de Medicina aprovada pelo MEC para ser implantada no município, deverá estar em funcionamento em 2019. A afirmação foi feita direto de Brasilia DF, ao vivo por telefone no programa Araripina Urgente.

De acordo com Pimentel, a conquista veio depois de um ano de trabalho e dedicação, pra que se pudesse incluir Araripina no rol das cidades que serão contempladas com a  implantação do curso de medicina, o que para ele é algo extraordinário.

“Esse fato muda completamente a realidade do ponto de vista da Saúde Pública do Município e da região, do ponto de vista social também, você traz estudantes que virão de outras regiões do Brasil, do Estado. Então realmente é algo fantástico e extraordinário”, enfatizou.

Ainda segundo o prefeito, em 2017 ouve um trabalho bem feito pra preparar a cidade, do ponto de vista da organização do serviço de saúde, e da ampliação da Rede Básica de Saúde . O edital criando a Faculdade será publicado nesta sexta (08).

“Esse trabalho que foi feito na cidade, junto com o Ministério da Educação, culminou com essa oportunidade de Araripina ter a Faculdade de Medicina. O edital estará sendo publicado no Diário Oficial da União nesta sexta-feira (08), e a gente vai se preparar, porque aindaexistem  alguns critérios que precisam ser preenchidos”, explicou.

Funcionamento

Pimentel explicou, que a ideia, é que já em 2019  se tenha o início do curso. “A gente deve estar recebendo no 1º semestre de 2018 a visita de uma equipe do MEC, que vai confirmar as informações do que foi feito até 2017. Depois vai haver até o mês de junho, a habilitação da mantenedora, pra permitir a condição, de que já em 2019, haja a possibilidade do início do curso”, frisou.

 

 

tonca

O advogado Antônio Campos (Podemos), pré-candidato ao Senado em 2018, culpou o governador Paulo Câmara (PSB) por o Estado ter alcançado o número de 5 mil homicídios em 2017.

“Pernambuco ultrapassou 5 mil homicídios no ano. Falta de Governador!”, apontou o irmão do ex-governador Eduardo Campos e filho da ministra do TCU Ana Arraes.

Na quarta-feira (06), Antônio Campos foi recebido pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), no Palácio dos Bandeirantes. Alckmin será eleito nos próximos dias presidente nacional do PSDB e virtual candidato do partido ao Planalto em 2018.

 

Informações de bastidores apontam que o nome da ministra Ana Arraes seria bem avaliado por Geraldo Alckmin, como vice numa chapa presidencial. Ana Arraes está sem filiação partidária por ser ministra do TCU e teria que se aposentar para poder disputar cargo eletivo em 2018.

“Sou filiado ao Podemos e apoio a pré-candidatura de Álvaro Dias, mas acho importante que o centro democrático mantenha um diálogo permanente. Sou admirador e tenho grande respeito pela família e pelo Governador Geraldo Alckmin”, disse Antônio Campos, ontem.

 

Na oportunidade, Antônio Campos presenteou o governador com um conjunto de obras do ex-governador Miguel Arraes e uma obra reunindo textos de Celso Furtado sobre o Nordeste (CELSO FURTADO O Desvelador da Realidade Nordestina, Editora Massangana).

“Arraes e Celso Furtado foram dois grandes pensadores do Nordeste brasileiro”, explicou.

 

 

 

Dois em cada três brasileiros com mais de 16 anos (67%) avaliam que o gás de cozinha compromete muito o orçamento familiar, de acordo com pesquisa do Datafolha. A maioria absoluta (86%) avalia que o preço subiu muito nos últimos seis meses.
 
Desde junho, quando a Petrobras alterou sua política de preços para o combustível, a alta acumulada no preço de venda do produto pelas refinarias soma 67,8%. Nas revendas, o preço do botijão teve aumento de 15%.
 
Nesta quinta (07), a estatal anunciou revisão na política, com o objetivo de "suavizar" o repasse das volatilidades do mercado internacional.
 

 

De acordo com o Datafolha, a percepção do aumento do preço é maior entre as famílias mais pobres, para quem o combustível tem um peso maior no orçamento.
 
Para aqueles que têm renda de até dois salários mínimos (R$ 1.874), 80% dizem que o orçamento é altamente comprometido pelo preço do gás. Entre os mais ricos, esse percentual é de 33% –36% que disseram que não há comprometimento algum.
 
O gás de cozinha é hoje reajustado pela Petrobras de acordo com uma fórmula que considera cotações europeias do butano e do propano (elementos usados na produção do combustível), além da taxa de câmbio.
 
A empresa justificou a proposta de revisão da fórmula alegando que o modelo atual traz para o Brasil volatilidades dos mercados europeu, como a transferência para o consumidor de alta sazonal provocada pela chegada do inverno no hemisfério Norte.
 
O objetivo da revisão, diz a companhia, é "buscar uma metodologia que suavize os impactos derivados da transferência dessa volatilidade para os preços domésticos".
 
NOVA FÓRMULA
 
O reajuste anunciado essa semana foi o último com a fórmula atual.
 
A nova fórmula ainda não foi anunciada, mas a Petrobras diz, no comunicado, que "buscará não perpetuar os efeitos sazonais (inverno) já ocorridos", em um sinal de que pode reduzir o preço.
 
A decisão se aplica apenas ao gás vendido em botijões de 13 quilos. O produto para vasilhames maiores ou a granel, mais usados por comércio e indústria, tem fórmula diferente, que considera também o custo de importação.
 
A proposta de suavizar as volatilidades foi vista com preocupação no mercado, pelo temor de artificialização dos preços. Na semana passada, a estatal já havia sinalizado revisão da política para o diesel, que também deve reduzir o preço do produto.
 
GASOLINA
 
Para 82% dos entrevistados pelo Datafolha, o preço da gasolina também aumentou muito nos últimos meses. Outros 12% dizem que aumentou um pouco. Para 68%, o atual preço compromete muito o orçamento familiar.
 
Mas, diferentemente do que ocorre com o gás de cozinha, a gasolina causa impacto tanto no orçamento de ricos quanto no de pobres.
 
Na faixa dos que têm renda de até dois salários mínimos, 69% acreditam que têm o orçamento altamente comprometido, percentual próximo aos 66% da faixa dos que ganham entre cinco e dez salários (de R$ 4.685 a R$ 9.370).
 
Entre os com renda superior a dez mínimos, 55% avaliam que o preço atual compromete muito o orçamento.
 
Em julho, a Petrobras autorizou sua área técnica a promover reajustes diários nos preços, com o objetivo de competir com importações.

 

Desde então, o preço nas bombas subiu 15,4%, com forte impacto também do aumento na carga tributária promovido pelo governo no fim de julho. (Via: Folhapress)